VISITANTE Nº

contador de visitas

terça-feira, 10 de maio de 2011

PERNAMBUCO, Capital adere ao movimento Polícia Legal.




Policiais e bombeiros militares do 1º BPM, 6º BPM, 13º BPM, 16º BPM, 17º BPM, 19º BPM e GBMar já aderiram ao movimento Polícia Legal, liderado pelas entidades representativas dos Militares Estaduais. Logo cedo da manhã desta terça-feira (10/05), o coordenador da Associação Pernambucana dos Cabos e Soldados (ACS – PE), Renílson Bezerra, e o diretor José Carlos dos Santos marcaram presença nos batalhões da Capital e Região Metropolitana.
Com o apoio de um advogado, Renílson e Santos orientaram a tropa sobre os procedimentos do movimento e participaram de reuniões com os comandantes das unidades. “80% das viaturas já foram baixadas. Estamos orientando aos PMs e BMs que exijam  as devidas condições de trabalho. Os veículos sem triângulo, freio, lanterna, pisca – alerta, pneus carecas não podem estar nas ruas. A lei maior é o Código de Trânsito”, conta Renílson.
“Nosso movimento é inteligente, amparado na legalidade. Sem baderna, sem quebra de hierarquia. E vamos continuar com as ações mesmo que o Projeto do Governo seja votado. Nada muda. Estamos nas ruas e a tropa está aderindo. Do soldado ao tenente – coronel. Agora esperamos contar com o apoio do pessoal do Interior do Estado”, conclui.
 
Por: Paula Costa | Jornalista
 
Representantes das entidades no 13º BPM
1º Batalhão, no Janga - Paulista
Militares no 17º BPM

Um comentário:

  1. e o gezi gomes?? por onde anda? o que anda fazendo em prol da situação dos militares????

    fica a dica, apareça agora, nao espere para época eleitoreira...

    ResponderExcluir