VISITANTE Nº

contador de visitas

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

PERNAMBUCO: SDS sugere a contratação de mais 200 delegados, 1912 Soldados PMs e 640 agentes e escrivães civis, e sugeriu ainda que os guardas municipais assumam os núcleos de segurança (PPO, PPM), para que os PMs possam sair desses lugares e façam rondas nas ruas

Nada contra os guardas municipais, mas eu acho que o secretário deveria tirar os PMs que estão no Art. 14, e que inclusive já tiveram parecer favorável da própria SDS para saírem e até hoje não saíram, esse efetivo daria conta do serviço no lugar onde o secretário quer colocar a guarda municipal

SDS sugere concurso para delegados e mais policiais civis e militares nas ruas

O Secretário de Defesa Social (SDS), Wilson Damázio, apresentou nesta terça-feira a nove representantes de municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR) propostas para melhorar os índices do Pacto pela Vida. Entre as medidas sugeridas estão a realização de um concurso público para o cargo de delegado. A ideia é criar 200 novas vagas para preencher lacunas de titularidade nas delegacias do interior. A proposta, apresentada à Secretaria de Administração, deve ser aprovada no mês de janeiro de 2012.

Outra medida é o aumento dos efetivos das polícias civil e militar. Seria necessário efetivar mais 1.912 PMs e 640 agentes e escrivães civis, todos já concursados aguardando apenas nomeação. Outra medida anunciada é a mudança de postura dos guardas municipais,que deverão permanecer nos núcleos de segurança, enquanto os homens da PM circulam nas comunidades para atender a população. Além disso, o secretário apontou a necessidade de melhorar a iluminação pública, as condições do trânsito e acabar com as chamadas feiras do troca.

As falhas no sistema vigente foram mostradas a membros das prefeituras do Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Cabo de Santo Agostinho, Ipojuca, Moreno, Itamaracá, São Lourenço da Mata e Camaragibe, com a preocupação de justificar a não diminuição dos índices de Crimes Letais Violentos Intencionais (CLVI), quando a meta era redução as taxas em 12% ao ano.
Para o secretários, as mudanças no código do processo penal, que liberou uma maior quantidade de presos em flagrante e os mutirões carcerários, que também libertaram cerca de três mil presos, também podem ter causado o aumento do registro de crimes praticados por reincidentes.

A segurança dos municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR) foi tema da reunião do Gabinete de Gestão Integrada da Secretaria de Defesa Social (SDS) realizada esta manhã no auditório da SDS.

Com informações do repórter Raphael Guerra

Fonte: AquiPE

Um comentário:

  1. o governo na pessoa do secretario ñ se importa com as classes policiais,a coisa agora é politica,se criam argumentos para responder a nossa pobre e desenformada sociedade q a solução é mais policia,e eles protelam a responsabilidade escondem q a solução esta no social,valeu.

    ResponderExcluir