VISITANTE Nº

contador de visitas

terça-feira, 5 de maio de 2009

Rotina de um Policial Militar

Não se esqueça de mim, foi por você...

"Mais um dia de serviço, assim como uma noite, uma missão cumprida...
Momentos de repletos de perigo, emoção, aventura, alegria, tristeza...
O sol ardente na pele, um cinturão cheio de balas, botas pretas, boina na cabeça, um rádio tagarela, onde não se ouve lindas músicas, somente números, vozes em caráter geral, ocorrências que nos deslocam à todo tipo de lugar, asfalto, lama, mato, poeira...
Num local ermo um corpo frio, um mistério...
Um bêbado, um desordeiro, assaltos à banco, uma mulher dando à luz...
Em nossas rondas noturnas, a lua, companheira de nossas noites de luta.
Nas corridas, faróis, velocidades, sirenes, uma louca corrida para o fim da estrada, sem o fim da chegada...
Um cafesinho ali, brincadeira de um amigo, o sorriso de uma garota que passa, um alguém nos olha...
Um certo policial, chuvas de balas, coração que disapara, uma lágrima que cai, um amigo que se vai...
E assim vamos nós, nas lutas, nas rondas, nas madrugadas, nos dias de sol e de chuva, passando aí na sua rua, no seu bairro, na sua cidade, nos seus olhos, no seu medo, no seu pensamento, no seu sorriso, na sua vida...
E assim é o dever que abraçamos, para que acentue ainda mais sua segurança e sua felicidade...
Deixamos nossos lares, nossas famílias, nosso mundo, nossos sonhos, nossos amigos, nossa companheira, nossos filhos; POR VOCÊ...
Não importa sua cor, sua religião, seu sexo, sua idade, de onde você é, pois independente de tudo isso, nós fizemos o juramento de defendê-lo com o sacrificio da própria vida...
Cada vez que escutar uma cirene de viatura, mesmo que distante, mesmo que em seu pensamento diga: -Vão com DEUS, estou com vocês...
Cada vez que uma estrela brilhar mais forte para você, lembre-se que pode ser a vida de um de nós, que num último suspiro tenta dizer:
Não se esqueça de mim, foi por você..."

4 comentários:

  1. Olá Gezi!
    Fico feliz de poder falar contigo ,através deste veículo, estamos juntos nsta luta por uma melhoria dígna, honesta que é a aprovação destas pec's, embora, sabendo que não temos nenhum deputado pernambucano nos apoiando, ou melhor lutando por nossos direitos.
    Mas, mesmo assim, estamos confiantes em Deus , de que todas as pec's irão passar e logo estaremos de posse de vitória, em nome de Jesus. Amém.

    ResponderExcluir
  2. nossa ja tinha uma ideia de como a vida de um policial e perigoso mais com esse texto me comoveu esse texto conta a realidade de um ser querendo protejer a vida de todos se esforçando mais sempre de cabeça erguida nunca desistindo sempree lutando meu nome e dayanne eu tenho apenas 12 anos e ja sei o que eu quero para o meu futuro ser uma grande policial militar e desse sonho eu nunca vou desistir tenho certeza!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Boa Tarde !
    Eu gostaria que a sociedade entendesse como é difícil ser policial neste Brasil, com baixos salários, sem motivação alguma, com uma logística precária.
    Muitos companheiros nossos dividem a favela com marginais, pois não teem condições de uma moradia digna de um policial, pois seus salários são baixíssimos e o que se ganha é para o sustento da família, quando sobra alguma coisa, é para às vezes pagar um aluguel dentro da favela que ele divide com o seu vizinho (o bandido).
    Eu gostaria que os nossos governantes e a nossa sociedade entendesse a situação desses Heróis, e que houvesse um bom resultado por parte disso.
    A questão do apoio da sociedade é de grande importãncia, uma vez que, o policial também paga seus tributos, então, acabemos com isso de dizer "eu pago meus impostos e desde então, posso exigir". Saiba , que os impostos que o policial paga não são diferentes dos da sociedade, dando então, a igualdade de direitos por ambas as partes.
    Rogo a DEUS para que um dia estes Heróis tenham dignidade, incentivo, direitos e o apoio dessa sociedade, e desde então, com certeza, eles irão trabalhar satisfeitos, irão atender essa mesma sociedade com mais dedicação, e só assim, teremos uma polícia melhor.

    ResponderExcluir
  4. Ola, meu nome é William, sou de SP.
    Texto muito legal que mostra a realidade de um polícial, muita gente fala que só anda de carro (viatura).
    Tenho 17 anos, sonho em me tornar polícial, bem não é mais sonho é desejo, gosto muito de adrenalina correndo nas veias e de ajudar os outros, daqui 2 mesês irei prestar serviço o serviço militar (Tiro de guerra) quando acabar o primeiro concurso que estiver eu vou me inscrever, PEÇO A VOCÊS(PMs) que me dêem conselho sobre como é o concurso, e mais algumas coisas que gostaria de saber...
    Abraço a todos.

    ResponderExcluir